Como Aumentar Sua Autoestima

Se tem uma coisa bastante comum no nosso dia são aquelas pessoas que não conseguem se amar. Infelizmente, muita gente precisa aumentar sua autoestima para conseguir mais confiança. E em alguns casos, algumas pequenas mudanças podem ser suficientes.

Antes de qualquer coisa, é importante alertar que a falta de autoestima pode exigir um tratamento especializado. Não hesite em procurar ajuda se achar que este é o seu caso. Aprender a gostar de si mesmo é essencial para seu bem estar e saúde. Sim, saúde também. A falta de apreço por si mesmo pode ser um sinal de depressão, por exemplo.

Caso você esteja num nível mais leve de insegurança, tente seguir as dicas a seguir:

  • Faça um Inventário Pessoal: você não pode consertar o que você não sabe. Pegue um pedaço de papel, divida em duas colunas; Pontos Fortes e Fracos. Escreva 10 itens em cada uma das áreas. Lembre de fatos que aconteceram, elogios, críticas. Isso vai te ajudar a não ter expectativas irreais sobre si mesmo.

  • Estabeleça Expectativas Realistas: nada acaba mais com sua autoestima do que expectativas equivocadas. A maioria das pessoas nunca será Gisele Bundchen e tudo bem. O importante é você focar na melhor versão de si mesmo.

  • Esqueça a Perfeição: ser perfeito é impossível, aceite que seu corpo nunca será igual ao das revistas, porque os das revistas não são reais. Ao invés disso, foque no que você já conquistou. Achou um corte de cabelo que te favorece? Tem uma cintura sensual? Faz bonito no decote? Considere o que você tem de bom e valorize os defeitos. Eles são parte essencial da sua vida e você não tem obrigação de não tê-los.

  • Explore a Si Mesmo: geralmente as pessoas mais bem sucedidas são as que se conhecem melhor. Não é apenas saber seus pontos fortes e fracos, mas se abrir a novas oportunidades, pessoas, pensamentos, tentar novas amizades e pontos de vista, e perceber como você se sente em meio a eles. Você pode descobrir uma nova pessoa.

  • Esteja Disposto a Ajustar sua Própria Imagem: autoestima não sere de nada se você estiver pensando em uma versão do passado. Não importa se você era mais magro no ensino médio. Ajuste sua percepção para o hoje e o que você vive agora.

Para encerrar, é importante que você pare de se comparar a outras pessoas. Isso é injusto consigo mesmo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *