Dicas para Eliminar Cólicas Menstruais

Colicas_MenstruaisMais da metade das mulheres na idade fértil sofre com as dores das cólicas menstruais. Entre os 12 e 30 anos, esse desconforto é comum, e é conseqüência das contrações feitas pelo útero na eliminação do sangue.

E, como muita gente já sabe, quanto mais intenso o fluxo, mais forte será a indesejável cólica. Algumas dicas simples e práticas, no entanto, podem ser essenciais para tornar essa fase do mês um pouco menos dolorida.

Técnicas de massagem usam o calor atuam contra a sensação dolorosa e inchaço do período, como é o caso da massagem das pedras. As do tipo ayurvédica, shiatsu, tuiná e reflexologia ajudam para circulação e relaxamento dos músculos.

Algumas terapias alternativas são também interessantes contra as cólicas menstruais. A acupuntura é ótima para alívio das dores e prevenção do aparecimento das mesmas. De acordo com a Medicina Tradicional Chinesa, a cólica aparece pelo desequilíbrio entre baço, pâncreas e fígado. E as agulhas atuam com equilíbrio dos órgãos, e ainda tratamento dos sintomas da TPM e ciclo regular.

Outra opção é a talassoterapia, com uso do calor, princípios ativos da água marítima com penetração pela pele e melhoras para sintomas da TPM, como a cólica. O recurso da bolsa de água quente é eficaz contra a dor, pois o calor alivia com relaxamento, dilatação dos vasos capilares e sensação agradável.

Para as mulheres que sofrem com cólica em todos os meses, o remédio analgésico e antiinflamatório é indicado, de acordo com consulta médica. Os anticoncepcionais que são a base de hormônios possuem ação comprovada combatendo dores e o fluxo intenso.

Com a prática de exercícios, também muito recomendada, a dose de endorfina é aumentada no sangue; o hormônio gera sensação de euforia e prazer, aliviando o desconforto. E o esforço corporal influencia a dilatação dos vasos do colo uterino, com passagem do sangue facilitada. E líquidos retidos causadores do inchaço, pela mama e ventre, são drenados com elevação da temperatura do corpo e transpiração.

 Pra encerrar, um cardápio rico com peixes ajuda a controlar espasmo; a prostaglandina é produzida em base nos ácidos graxos, sendo os peixes ricos com o item. Já o chá de menta ou camomila, ingeridos em temperatura quente, ajudam para alívio da dor com relaxamento.

É importante excluir frituras, carnes gordurosas, manteigas que elevam níveis de estrógeno com surgimento das cólicas. Já as fibras, com verduras, frutas e cereais integrais contribuem para eliminar o excesso do estrógeno, com menos contração e dor. O abacaxi é refrescante e rico em bromelina, para melhor digestão com ação antiinflamatória. O cálcio também é muito indicado, com vegetais verdes e escuros, leite e derivados, e redução das contrações de dor, e da tensão e ansiedade da TPM.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *