Como Manter a Pele Hidratada no Inverno

O frio começa a se aproximar e logo a pele dá os primeiros sinais de que algo não está bem. Lábios rachando, rosto descascando, sensação de textura seca. Manter a pele hidratada no inverno é essencial para evitar esses sintomas.

É comum a gente se descuidar um pouco da hidratação nesse período mais frio. Muita gente deixa até de tomar água regularmente como deveria e isso é péssimo. Nosso corpo precisa de tanto líquido como no inverno.

Confira a seguir 5 dicas para manter a pele sempre bem hidratada:

  • Banho: a vontade é ficar embaixo da água fervente, mas isso é péssimo para a saúde. A água muito quente tira a camada de proteção da pele, facilitando o ressecamento.

  • Creme hidratante: apele para o óbvio. Utilize cremes hidratantes mesmo se você tiver pele oleosa. A tendência é que, com o tempo, a pele se acostume com a hidratação e pare de produzir tanto óleo naturalmente.

  • Óleo: para as peles mais ressecadas, os óleos corporais podem ser a melhor opção. Os óleos criam uma camada fininha sob a pele, impedindo que ela descame.

  • Sabonetes: cuidado com os sabonetes que não tem o ph da sua pele. E também evite buchas e esponjas que possam tirar a proteção natural. Esfoliar deve ser um hábito quinzenal ou mensal, dependendo da sua necessidade.

  • Filtro Solar: esqueça aquele mito de que não precisa de filtro solar durante o inverno. Os raios solares continuam atingindo sua pele da mesma forma. Previna-se.

Para encerrar, vale reforçar que você precisa beber pelo menos 2 litros de água por dia. No frio realmente é um pouco mais difícil sentir vontade de tomar água, então deixe uma garrafinha sempre por perto.

Também pode ser interessante ter um aplicativo de celular que te lembre da necessidade de se hidratar. Assim você não terá desculpas para não beber água.

 

Você Já Ouviu Falar na moda das Sardas Brilhantes?

Algumas tendências surgem e todo mundo ama, mas tem outras… Esse é o caso das sardas brilhantes, que apesar de charmosas, não parecem ter vindo pra ficar.

Há algum tempo, falamos sobre como muitas mulheres estavam realizando o sonho de ter sardas com ajuda de maquiagem. Agora, porém, a ideia é mais extravagante. Ao invés de uma mistura de tons, são utilizadas pedrinhas brilhantes.

Isso mesmo, pedrinhas grudadas na pele!

Fazendo Sardas Brilhantes

Na verdade, não são exatamente pedrinhas de strass, como parece à primeira vista. A tendência surgiu com um lançamento da marca Mr.Kate, acostumada a lançar moda entre as blogueiras norte-americanas. As sardas falsas são feitas com uma tatuagem temporária, que se cola no rosto conforme o formato.

Nos EUA, a tal tatuagem vem sendo vendida por cerca de R$40, sendo que se tornou uma febre principalmente nas redes sociais. São muitas as modelos e fashionistas fazendo fotos e mais fotos com o visual peculiar.

Por enquanto, no Brasil ainda está sendo difícil encontrar o adesivo tattoo. Quem quer experimentar a tendência precisa recorrer às pedrinhas vendidas avulsas e tentar colar uma a uma, para conseguir o visual.

Sardas Feitas com Tatuagem

O mais impressionante, porém, é que as sardas andam tão desejadas que há quem esteja recorrendo a tatuagens de verdade para tê-las no rosto. Uma reportagem da revista Elle Canada revelou que aumentou muito o número de mulheres que vão até um tatuador profissional pedindo pelas manchinhas charmosas no rosto.

Vale dizer que é super importante lembrar que as tendências vem e vão. Logo, se você não tem tanta certeza assim que quer viver com as sardas pelo resto da vida, é melhor apostar nessas brilhantes mesmo. Ou na maquiagem. Pode ser ma boa maneira de matar a vontade e não se arrepender depois.

 

5 Passos Para Fazer a Sobrancelha em Casa

Em tempos de crise, tudo que a gente puder fazer sem pagar é sempre bem vindo né? E isso pode valer também para nossos cuidados pessoais. Por isso, fazer a sobrancelha em casa ajuda bastante.

Claro que, antes de qualquer coisa, você precisa avaliar se tem condições de fazer sozinha. Muita gente não tem a mão firme o suficiente ou mesmo senso de direção. Nesses casos, vale economizar em outra coisa e pagar um bom profissional.

Mas se você acha que consegue, vamos lá para os 5 passos para fazer a sobrancelha em casa:

  • Preparando: é mais fácil seguir o processo se você tiver tudo previamente preparado. Pegue a pinça de sua preferência, um lápis, um espelho, algodão e água morna. Esse kit básico será essencial para que você consiga tirar a sobrancelha sozinha.

  • Medindo: o ideal é que no começo você tire apenas o excesso. Assim, será mais fácil evitar os erros. Caso já tenha um pouco de prática, meça o fim da sobrancelha colocando seu lápis no nariz e no cantinho do olho, marcando a diagonal. Para o limite interno, posicione o lápis verticalmente na dobrinha do nariz.

  • Depilando: existem profissionais que gostam de utilizar cera, mas é interessante que você evite em casa. Prefira a pinça ou o fio, caso saiba usar. Segure a pinça de maneira confortável e puxe cada pelinho em direção ao seu crescimento. Isso vai evitar que os fios encravem.

  • Analisando: depois que terminar de tirar os fios, pegue um espelho e analise cuidadosamente a simetria e qualidade da sua depilação. Não hesite em tirar os pelos que parecem estar sobrando, mas tome cuidado para não acabar careca.

  • Preenchendo: infelizmente, nossa sobrancelha nem sempre é cheinha como a gente gostaria. Por isso, utilize o lápis para preencher as falhinhas que possam existir. Tome cuidado para manter o aspecto natural.

Para encerrar, vale passar uma pomada calmante na pele, para evitar a vermelhidão. E se achar que tirou de mais ou de menos, não se desespere. Espere até o dia seguinte para decidir se cometeu um erro mesmo. Na maioria das vezes é apenas insegurança que pode te levar a cometer um equívoco de verdade.

O Que Você Precisa Saber da Sua Manicure

A gente fala muito na beleza da pele, na saúde dos cabelos, nos tratamentos corporais e nem sempre damos a devida atenção para as unhas. E a verdade é que a escolha da sua manicure é tão importante quanto qualquer outro cuidado que você precisa ter.

Embora não pareça, fazer as unhas em um lugar que não seja de confiança pode ser perigoso. Já há algum tempo, as Secretarias de Vigilância Sanitária tem fiscalizado os estabelecimentos rigorosamente, para saber das condições de higiene e preparo dos profissionais. No entanto, como muita gente trabalha por conta, fazendo atendimento domicílio, nem sempre isso é suficiente. Você também precisa fazer a sua parte.

Entenda melhor o que você precisa saber da sua manicure antes de começar a fazer as unhas:

  • Esterilização: até alguns anos atrás, uma estufa simples era considerada suficiente para esterilizar alicates e outros materiais utilizados para fazer a unha, mas agora se sabe que esta limpeza pode não funcionar como deveria. Por isso, é interessante questionar a profissional sobre o uso da autoclave.

  • Alternativa: como a autoclave ainda é um aparelho de alto custo, as manicures tem uma opção alternativa para manter a segurança das clientes, o uso de alicate e materiais exclusivos. Você faz suas unhas com o material que leva/tem em casa ou utiliza os da profissional? Fique atento!

  • Descartáveis: sempre que possível, exija o uso de material descartável para suas unhas, assim, você evita a reutilização de espátulas, palitos, entre outros. Pode parecer frescura, mas isso pode evitar fungos e outras doenças de pele.

  • Máscara e Luvas: essa é mais difícil, o uso de máscara e luvas. São poucas as manicures que utilizam, infelizmente, porém, ajudaria bastante a proteger tanto a cliente quanto a profissional de doenças contagiosas simples.

  • Esmaltes: existe uma infinidade de produtos à disposição para pintar as unhas, por isso, preste muita atenção para ver a qualidade dos esmaltes e também sua validade. A gente esquece que cosmético também tem data de vencimento e isso pode ocasionar uma inflamação, ou algo do tipo.

Cuidar da sua saúde, mesmo que através das unhas, precisa ser sua prioridade sempre. Não tenha medo de ser chata e exigir aquilo que é o seu direito como consumidora!

Top 5 Tendências Para o Inverno 2017

O frio ainda está chegando aos poucos, mas já dá vontade de colocar um par de botas ou aquele casaco mais quentinho. E pra não ficar muito fora das tendências, é sempre bom saber o que vai fazer sucesso no inverno 2017, não é?

Tem sempre alguma coisa da estação passada que dá pra aproveitar. Um exemplo são os calçados tratorados, que podem ser utilizados agora com meia calça. Esse tipo de solado promete aparecer muito nos próximos meses.

Veja a seguir outras 5 tendências do nosso próximo inverno:

  • Moletom: calma, não é pra pegar aquele agasalho velhinho do guarda roupa ainda. A ideia desse moletom é misturar um look confortável com um estilo mais fashion. Vale incluir brilho e detalhes sofisticados.

  • Veludo Molhado: parece coisa do passado, mas você já deve ter notado que o veludo está de volta às lojas. Os vestidos e peças em alfaiataria serão muito utilizados.

  • Jaqueta Puffer: sabe aquelas jaquetas cheinhas, meio acolchoadas? Elas prometem se tornar um grande hit. Entretanto, a ideia é que sejam mais sequinhas, porém, estilosas. Só precisa ter cuidado pra não ficar infantilizado.

  • Tom Pastel Rosa: a gente pensa em inverno e logo vem aquelas cores fortes. Porém, os tons pastéis têm tudo para ganhar força, principalmente o rosa. Vale combinar as cores com mais delicadeza.

  • Gola: os cachecóis são sempre uma tendência, mas agora devemos apostar mais nas golas mais cheias, que deem volume ao pescoço. As blusas de gola alta também serão muito usadas.

Claro que, vale dizer, as tendências servem apenas como uma ideia inicial para os seus looks. Se você não gosta de tons rosas, não se sinta obrigada a usar. Seu visual pode ser beneficiado com outras coisas que você goste mais, como os sapatos tratorados, por exemplo.