Pode Usar Cera Quente No Rosto?

A moda agora permite que as sobrancelhas sejam mais grossas do que alguns anos atrás, mas isso não significa que o formato natural não precise de uma forcinha. E é quando surge a dúvida, dá pra usar cera quente no rosto e tirar os pêlos indesejados ou não?

Há algum tempo, acreditava-se que o uso regular de cera quente poderia causar flacidez. No entanto, aos poucos, isso tem se provado um mito. A verdade é que, principalmente sem cuidados, a flacidez vai acontecer ao longo dos anos. Tudo depende de como você trata sua pele.

Entenda melhor como usar a cera quente com segurança no seu rosto:

  • Temperatura: mais do que o futuro, é essencial se preocupar com o agora. Ao invés de ficar especulando os efeitos da cera na sua pele a longo prazo, é importante que você priorize a temperatura adequada na hora de aplicar em seu rosto. É essencial que o calor não seja incômodo para a pele e nem que esteja muito fria.

  • Manchas: existe a chance de a pele depilada com cera quente ficar mais escura? Existe. Porém, isso acontece geralmente com quem faz uso de algum tipo de ácido na pele do rosto. Por isso, é necessário conversar com o profissional responsável pela aplicação para definir o que é melhor para você.

  • Flacidez: uma boa depiladora sempre vai lembrar de tensionar sua pele na hora da puxada da cera. Isso vai fazer uma grande diferença para que a flacidez não seja afetada. Mas mesmo que você não tenha feito isso sempre, é interessante lembrar que você depila cada região a cada 15 ou 20 dias. Ou seja, não é um esforço que sua pele não possa aguentar.

  • Alergia: nem todo mundo consegue utilizar o mesmo tipo de cera. É comum quem sofra com bolinhas de alergia depois da depilação, principalmente. Avalie com cuidado os efeitos e procure um dermatologista se o problema for frequente. Pode ser que uma pomada pós depilação ajude.

  • Alternativas: como a pinça pode ser um pouco cruel, uma boa alternativa para a cera é a depilação com fio. A dor ou desconforto são inevitáveis, contudo, se trata de um método igualmente rápido e eficiente.

Claro que, vale dizer, o ideal é que você tenha um bom profissional na hora de depilar o rosto com era. No caso do buço, você pode até fazer em casa sem problemas, mas em se tratando de sobrancelha, talvez valha a pena investir e pagar pelo serviço. A segurança da sua pele deve ficar em primeiro lugar.

Você Já Ouviu Falar no Ácido da Beleza?

Toda novidade é sempre bem vinda e o Ácido da Beleza tem aparecido por aí como uma das maiores inovações dos últimos tempos. E se você nunca ouviu falar, não se preocupe. Na verdade, este ácido é chamado de hialurônico.

Muitas vezes a gente pensa que a pele só pode ser melhorada com procedimentos cirúrgicos ou com o botox. No entanto, o ácido hialurônico costuma ser chamado de uma exceção que pode funcionar em diversas regiões do corpo.

Queridinho das Clínicas

Depois da toxina botulínica, o ácido hialurônico é o mais requisitado nas clínicas estéticas. Ele pode ser utilizado tanto para melhorar o aspecto do rosto, por exemplo, quanto para amenizar as celulites avançadas. É possível também utilizá-lo para preencher aqueles contornos faciais que vão se perdendo conforme a idade.

Sabe quando começa a aparecer aquele chamado bigode chinês? O preenchedor com ácido ajuda a deixar um aspecto mais natural. Isso acontece porque é um ácido muito parecido com o que é produzido pelo corpo, sendo absorvido lentamente.

Popularização do Ácido da Beleza

Com a popularização do uso do HA, como também é chamado, têm surgido outros produtos com sua presença na fórmula. E, para quem não tem intenção de fazer algum procedimento em clínicas, há cremes e filtros anti-idade utilizando o ácido da beleza.

Para quem está de mal com o espelho e não tem intenção de usar o botox, esta pode ser uma opção para melhorar o aspecto da pele do rosto. Como o visual mais natural está em alta, pode ser também uma possibilidade mais real do que uma cirurgia plástica.

3 Máscaras Para Crescer o Cabelo Mais Rapidamente

Quando a gente não gosta de algum corte de cabelo, parece que leva uma eternidade para os fios crescerem, não é? Nesses momentos, qualquer truque para ajudar no crescimento é sempre bem vindo. E algumas máscaras contribuem bastante no processo.

Claro que não existe milagre. É importante que as máscaras sejam feitas regularmente, mas também que você tenha cuidados com os fios. Não fazer procedimentos químicos fortes pode ser importante.

Confira como preparar as máscaras:

Máscara de Gema de Ovo

Misture 2 colheres de azeite com 2 gemas. Se ficar muito firme, acrescente até um copo de água para diluir a mistura. Aplique nos fios secos e deixe por 30 minutos.

Máscara de Mel e Batata

Nessa mistura, utilize uma gema de ovo, uma colher de mel, suco de 3 batatas e um pouco de água. Para retirar o líquido das batatas, corte em pedaços pequenos, crua, e esprema. Coloque a mistura no cabelo úmido e deixe por meia hora.

Máscara de Cebola, Alho e Canela

Essa é uma máscara que não deve ser feita nos dias em que você tiver planos, já que pode deixar cheiro nos fios. Coloque 4 dentes de alho, uma cebola e duas ramas de canela para ferver numa panela com água. Depois que ferver, deixe esfriar e passe nos fios, deixando por 15 minutos.

Essas máscaras devem ser feitas semanalmente por pelo menos 2 meses. Só assim você vai conseguir ver resultados no comprimento e também na quantidade de cabelo.

Lábios Rachados

Além da pele ressecada e da caspa que pode aparecer por causa da água quente, o inverno também traz lábios rachados. Infelizmente, é um problema bastante comum para muitas pessoas.

As rachaduras nos lábios costumam aparecer porque a pele da região é mais fina do que o resto do rosto, sem glândulas sebáceas. Assim, como o ar fica mais seco e surge o frio, a região acaba desidratando mais facilmente.

O ideal é tentar prevenir e cuidar dos lábios antes das rachaduras aparecerem.

Veja quais cuidados tomar:

  • Hidratantes: é essencial que você mantenha sua boca hidratada o tempo todo. Utilize hidratantes labiais que tenha lanolina, vitamina E, pantenol e ceras vegetais. Também lembre-se de usar protetores labiais, de preferência por cima do batom. Evite o uso de gloss.

  • Pomada: uma maneira de manter a pele hidratada de um dia para o outro é aplicar pomadas na boca durante a noite. A pomada bepantol, por exemplo, é um daqueles segredinhos que valem a pena investir.

  • Água: no inverno, por causa do frio, temos mais dificuldade em beber água e isso é péssimo para nossa hidratação. Vale a pena usar um aplicativo ou lembrete para não esquecer de se hidratar regularmente.

  • Compressa: se o seu lábio já estiver rachado, faça compressas com chá de camomila frio, vai ajudar a reduzir a inflamação e melhorar o desconforto. Utilize pomadas para regenerar a pele mais rapidamente.

  • Tratamento: se os seus lábios demorarem a melhorar ou piorarem mesmo com pomadas e cuidados, procure um médico dermatologista. Pode ser preciso fazer um tratamento mais específico, como estimular a produção de colágeno na região.

Quanto mais cuidado você tomar com sua pele, maiores as chances de você não sofrer tanto com o problema. Não espere o frio te pegar de surpresa, comece a utilizar cremes e pomadas no rosto, cuidando para evitar o ressecamento.

Como Manter a Pele Hidratada no Inverno

O frio começa a se aproximar e logo a pele dá os primeiros sinais de que algo não está bem. Lábios rachando, rosto descascando, sensação de textura seca. Manter a pele hidratada no inverno é essencial para evitar esses sintomas.

É comum a gente se descuidar um pouco da hidratação nesse período mais frio. Muita gente deixa até de tomar água regularmente como deveria e isso é péssimo. Nosso corpo precisa de tanto líquido como no inverno.

Confira a seguir 5 dicas para manter a pele sempre bem hidratada:

  • Banho: a vontade é ficar embaixo da água fervente, mas isso é péssimo para a saúde. A água muito quente tira a camada de proteção da pele, facilitando o ressecamento.

  • Creme hidratante: apele para o óbvio. Utilize cremes hidratantes mesmo se você tiver pele oleosa. A tendência é que, com o tempo, a pele se acostume com a hidratação e pare de produzir tanto óleo naturalmente.

  • Óleo: para as peles mais ressecadas, os óleos corporais podem ser a melhor opção. Os óleos criam uma camada fininha sob a pele, impedindo que ela descame.

  • Sabonetes: cuidado com os sabonetes que não tem o ph da sua pele. E também evite buchas e esponjas que possam tirar a proteção natural. Esfoliar deve ser um hábito quinzenal ou mensal, dependendo da sua necessidade.

  • Filtro Solar: esqueça aquele mito de que não precisa de filtro solar durante o inverno. Os raios solares continuam atingindo sua pele da mesma forma. Previna-se.

Para encerrar, vale reforçar que você precisa beber pelo menos 2 litros de água por dia. No frio realmente é um pouco mais difícil sentir vontade de tomar água, então deixe uma garrafinha sempre por perto.

Também pode ser interessante ter um aplicativo de celular que te lembre da necessidade de se hidratar. Assim você não terá desculpas para não beber água.